Estudo sobre o pecado e a queda do Homem – O Pecado Original pode me levar ao inferno?

Fazendo o estudo sobre as consequências do pecado, chegamos a um determinado ponto que talvez você venha a se perguntar (ou até a me perguntar): O pecado original pode me levar para o inferno? Se eu vivesse a vida toda sem cometer um pecado sequer, eu iria para o inferno apenas por causa do pecado original?

Bom antes de tudo é preciso dizer que, é praticamente impossível que uma pessoa passe a vida inteira sem pecar. Até os grandes santos pecaram. Os únicos que nós católicos acreditamos que passaram por esta vida sem pecado são Nosso Senhor Jesus Cristo e a Virgem Santíssima. Porém, se (e ai estamos trabalhando com uma hipótese) a pessoa vivesse a vida inteira sem pecar, ela não iria ao inferno apenas pelo pecado original. Agora, é preciso dizer que, ao receber na confissão a remissão dos pecados, você passa a viver, a partir daquele momento, sem nenhum pecado a prestar contas a Deus (por isso devemos nos confessar sempre). O próprio Catecismo da Igreja Católica no parágrafo 405, afirma que o pecado original não nos leva para o inferno. Veja:

Embora próprio a cada um, o pecado original não tem, em nenhum descendente de Adão, um caráter de falta pessoal. É a privação da santidade e da justiça originais. (CIC§405)

Ou seja, a pessoa não é culpada do pecado original, muito embora o carregue em si. Todavia, o pecado original deixa em nós sequelas, que nos arrastam a outros pecados. Por exemplo, a preguiça, o orgulho, a vaidade, a sexualidade desregrada… E esses pecados sim, podem nos levar ao inferno. Isso nos ensina também Catecismo:

A natureza humana não é totalmente corrompida (pelo pecado original): ela é lesada em suas próprias forças naturais, submetida à ignorância, ao sofrimento e ao império da morte, e inclinada ao pecado (esta propensão ao mal é chamada “concupiscência”). (CIC§405)

Por isso que nosa luta e todo nosso esforço devem ser focados nas tendências que portamos, ou seja, nas nossas concuspciências. Lutar contra o pecado é lutar contra as nossas vontades de pecar. Essa é a nossa luta maior!

O Batismo, ao conferir a vida da graça de Cristo, apaga o pecado original e faz o homem voltar para Deus. Porém, as conseqüências de tal pecado sobre a natureza, enfraquecida e inclinada ao mal, permanecem no homem e o incitam ao combate espiritual. (CIC§405)

É justamente ai que se trava a batalha. Por que o inimigo de Deus, que deseja nos derrubar, atua nas nossas concupsciências. Ele nos coloca em situações, mexe com as nossas vontades… Ele não tem o poder de nos forçar ao pecado. Mas nos oferece o pecado. Igual a uma pessoa que na hora do almoço, vê passar (e sente o cheiro) um delicioso sanduiche perto do seu nariz… Igual a alguém que tem a tendência a ser grosso e estúpido e vai trabalhar em um ambiente tenso… Hora, se você tem a tendência mas não peca, então você está vivendo o que deve viver. Mas se você peca, o faz conscientemente. E ai sim a partir do seu ato, você passa a ser responsável diante de Deus e dos homens pela ofensa cometida.

Hoje precisamos lutar contra a nossas concupsciências! Vamos juntos?

Siga-nos e fique por dentro das novidades:

About these ads

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s