Padres do Deserto: Sentenças do Pai Agatão

Apotegmas do Pai Agatão - Do Site Central de Obras do Cristianismo Primitivo

Hoje temos três sentenças do Pai Agatão. Elas vão nos falar sobre discernimento, Amor a Deus, desapego, trabalho santificado e qual a importância de vigiar seus pensamentos.

1. Era dito do Pai Agatão que alguns monges vieram procurá-lo, tendo ouvido falar de seu grande discernimento. Desejando ver se ele perdia a paciência disseram-lhe: “Você não é aquele do qual dizem ser um grande fornicador e um homem orgulhoso?” – “Sim, é verdade”, ele respondeu. Eles continuaram, “Você não é aquele Agatão que está sempre dizendo bobagens?” – “Sou eu”. Novamente, ele disseram: “Você não é Agatão, o herético?” Ao que ele replicou: “Eu não sou um herético”. Então eles perguntaram-lhe: “Diga-nos: por que você aceitou tudo que atiramos sobre você, mas repudiou este último insulto?” Ele replicou: “As primeiras acusações tomei para mim, pois é bom para minha alma. Mas heresia é separação de Deus. Vejam: eu nada tenho para ser separado de Deus”. A este dito, eles ficaram surpresos pelo seu discernimento e retornaram, edificados.

2. Freqüentemente o abade Agatão dava este conselho ao seu discípulo: “Nunca pegues para ti algo que não gostarias de imediatamente dar a alguém”.

3. Um dia perguntou-se ao abade Agatão: “O que é melhor: a ascese corporal ou a custódia da mente?”. Respondeu: “Os homens são como as árvores; o trabalho corporal é a folhagem e a custódia da mente é o fruto: ora, todas as árvores que não dão fruto – está escrito – serão cortadas e lançadas ao fogo. Com relação aos frutos, portanto, deve-se vigiar o que nos acontece, isto é, guardar nossa mente. Também temos necessidade da sombra e da beleza da folhagem, que representam a ascese corporal”. De resto, o abade Agatão era muito dedicado e infatigável no trabalho; sustentava-se sozinho; assíduo no trabalho manual, contentava-se com pouco alimento e roupas simples.

Leia também >> Quem eram os padres do deserto? | Padres do Deserto: Sentenças do Pai Abraão

Siga-nos e fique por dentro das novidades:

  

14 comentários sobre “Padres do Deserto: Sentenças do Pai Agatão

  1. Pingback: Padres do Deserto: Sentenças do Pai Ammoes « Dominus Vobiscum

  2. Pingback: Padres do Deserto: Sentenças do Abade Antônio « Dominus Vobiscum

  3. Pingback: Padres do Deserto: Sentenças do Pai Arsênio « Dominus Vobiscum

  4. Pingback: Padres do Deserto: Sentença do Pai Daniel sobre a Eucaristia « Dominus Vobiscum

  5. Pingback: Padres do Deserto: Sentenças do Pai Evágrio « Dominus Vobiscum

  6. Pingback: Padres do Deserto: Histórias diversas I « Dominus Vobiscum

  7. Pingback: Padres do Deserto: Sentenças do Pai Isidoro « Dominus Vobiscum

  8. Pingback: Padres do Deserto: Sentenças do Pai João, o anão I « Dominus Vobiscum

  9. Pingback: Padres do Deserto: Sentenças do Pai João, o anão II « Dominus Vobiscum

  10. Pingback: Padres do Deserto: Sentenças do Pai João, o anão III « Dominus Vobiscum

  11. Pingback: Padres do Deserto: Sentenças do Pai Macário « Dominus Vobiscum

  12. Pingback: Padres do Deserto: Sentenças do Pai Pastor « Dominus Vobiscum

  13. Pingback: Padres do Deserto: Sentenças do Pai Pastor II « Dominus Vobiscum

  14. Pingback: Padres do Deserto: Sentenças do Pai Poemen « Dominus Vobiscum

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s