Lá vem eles querendo descriminalizar o aborto no Brasil… Ninguém merece!

Eu sei que é cansativo, porém é necessário que os católicos se unam mais uma vez para defender a vida e dizer não ao aborto. Acontece que essa luta é uma luta de paciência. Elegemos os políticos errados, agora vamos precisar lutar contra as medidas que eles querem implantar contra a vida. E a coisa é assim: Se damos um vacilo eles aproveitam e fazem suas tramóias sujas em prol da descriminalização do aborto.

Lembramos que na última campanha presidencial, a então candidata a presidência e hoje presidente, Dilma Roussef quase perde o voto dos católicos e protestantes por se colocar a favor do aborto. Ela teve que voltar atrás e dizer que não era favorável ao aborto e prometeu não interferir em nada para  favorecer o aborto enquanto presidente do Brasil. Isso teve que ser feito por que nosso país é contra a descriminalização do aborto. Não será fácil para eles implantarem a cultura da morte na vida dos brasileiros.

Pois bem. Se eles não podem fazer a coisa às claras, a estratégia deles agora é outra. Já que a presidente se comprometeu publicamente a não interferir nesta questão, agora a missão passa a ser do legislativo. Os senadores e deputados esquerdistas, receberam essa tarefa: Descriminalizar o aborto no Brasil.

Sabemos que existe uma enorme pressão de fundações internacionais (Fundação Rockfeller, Fundação Ford, Fundação MacArthur, entre outras) para que o governo brasileiro aprove a legalização do aborto. É sabido também que isto é um dos pontos constantes da plataforma dos partidos marxistas do Brasil. A Senadora Marta Suplicy não só confirmou que a legalização do aborto é iminente, como disse que o Congresso se encarregaria de fazer acontecer. Ora, não devemos duvidar de tão grande empenho. Existe uma agenda a ser cumprida, compromissos a serem honrados, palavras empenhadas.

Para alcançar o objetivo de legalizar o aborto no Brasil, os congressistas empenhados nesse maldito projeto propuseram a Reforma do Código Penal, quando serão discutidas, dentre outras questões, precisamente a questão da legalização do aborto. Assim, veladamente, sem a participação, nem sequer o conhecimento do povo brasileiro, a agenda da morte está sendo cumprida no país.

Nos dias 08 e 09 de março as comissões que tratam da Revisão do Código Penal estarão reunidas em Brasília. Todos eles deverão estar cientes de que o povo brasileiro – católicos e protestantes – estão unidos em defesa do nascituro, em favor da vida. Eles deverão saber que os brasileiros não concordam com a legalização do aborto, não concordam com a cultura de morte que está sendo inoculada no país.

O povo católico, o povo cristão, o povo brasileiro defenderá o nascituro. Nós defenderemos o direito do feto no ventre da mãe. Nós defenderemos a Vida!! É urgente atender o apelo, enviando sua manifestação pessoal de repúdio à essas mudanças e manifestando seu desejo como cidadão e eleitor para que aborto continue sendo crime.

É necessário mais uma vez contar com a ajuda de todos na luta contra o aborto, enviando e-mails e manifestando-se contrários ao aborto e a eutanásia. Abaixo, segue um modelo de correspondência que pode ser enviado para os senadores. É de extrema importância que todos saibam a verdadeira opinião do povo brasileiro, que é pró-vida e pró-família.

Prezados senadores,

É chegado o momento em que vocês terão a oportunidade última de fazer aquilo que sempre prometeram: representar o povo brasileiro.

Peço que se lembrem de que O POVO BRASILEIRO É MACIÇAMENTE A FAVOR DA VIDA E PORTANTO CONTRA O ABORTO E A EUTANÁSIA. Nós, brasileiros, não aceitamos a imposição de fundações estrangeiras para a legalização do aborto e da eutanásia, e não aceitamos que o Código Penal seja alterado para que essas práticas imorais e ilegais sejam regulamentadas.

Peço também que os senadores afastem da Comissão para a Revisão do Código Penal a promotora Luiza Nagib Eluf e o professor Luíz Flávio Gomes, dado que eles não representam o povo brasileiro e agem segundo seus próprios interesses e vontades.

[Insira seu nome]

E-mails dos senadores:
eunicio.oliveira@senador.gov.br, gab.josepimentel@senado.gov.br, martasuplicy@senadora.gov.br, pedrotaques@senador.gov.br, jorgeviana.acre@senador.gov.br, antoniocarlosvaladares@senador.gov.br, inacioarruda@senador.gov.br, simon@senador.gov.br, romero.juca@senador.gov.br, vital.rego@senador.gov.br, renan.calheiros@senador.gov.br, luizhenrique@senador.gov.br, francisco.dornelles@senador.gov.br, sergiopetecao@senador.gov.br, aecio.neves@senador.gov.br, aloysionunes.ferreira@senador.gov.br, alvarodias@senador.gov.br, demostenes.torres@senador.gov.br, armando.monteiro@senador.gov.br, gim.argello@senador.gov.br, magnomalta@senador.gov.br, randolfe.rodrigues@senador.gov.br

Veja também:: O que é a descriminalização do aborto? | Steve Jobs em biografia, agradece sua mãe biológica por não o abortar | 180, o filme – 33 minutos que mudarão sua opinião sobre aborto | Vitória da Vida: Senado de Porto Rico aprova Código Penal que proíbe o aborto |  Médico adverte que Obama usa falácias para impor lei de saúde abortista | Pro-vidas revelam: Orações de exorcismo também ajudaram a fechar clínica de abortos nos EUA | Bispo dos EUA afirma que Imposição de anticoncepcionais é mensagem de desprezo aos católicos | Católicos reagem e lançam campanha nos EUA contra decisão abortista do governo Obama | Governo mão de ferro de Obama quer obrigar católicos a financiarem esterilização e anticoncepcionais | Obama diz: Quem não ajudar a causa gayzista não terá apoio americano

Siga-nos e fique por dentro das novidades:

  

Anúncios

Evangelho do Dia:: Está na hora. Subamos a Jerusalém

Evangelho Quotidiano

Naquele tempo, enquanto Jesus subia para Jerusalém, chamou à parte os Doze e disse-lhes: Vamos subir a Jerusalém e o Filho do Homem vai ser entregue aos sumos sacerdotes e aos doutores da Lei, que o vão condenar à morte. Hão-de entregá-lo aos pagãos, que o vão escarnecer, açoitar e crucificar. Mas Ele ressuscitará ao terceiro dia. Aproximou-se então de Jesus a mãe dos filhos de Zebedeu, com os seus filhos, e prostrou-se diante dele para lhe fazer um pedido. Que queres? perguntou-lhe Ele. Ela respondeu: «Ordena que estes meus dois filhos se sentem um à tua direita e o outro à tua esquerda, no teu Reino. Jesus retorquiu: Não sabeis o que pedis. Podeis beber o cálice que Eu estou para beber? Eles responderam: Podemos. Jesus replicou-lhes: Na verdade, bebereis o meu cálice; mas, o sentar-se à minha direita ou à minha esquerda não me pertence a mim concedê-lo: é para quem meu Pai o tem reservado. Ouvindo isto, os outros dez ficaram indignados com os dois irmãos. Jesus chamou-os e disse-lhes: Sabeis que os chefes das nações as governam como seus senhores, e que os grandes exercem sobre elas o seu poder. Não seja assim entre vós. Pelo contrário, quem entre vós quiser fazer se grande, seja o vosso servo; e quem, no meio de vós quiser ser o primeiro, seja vosso servo. Também o Filho do Homem não veio para ser servido, mas para servir e dar a sua vida para resgatar a multidão. (Mt 20,17-28)

Comentário feito por Bem-aventurado Tito Brandsma, mártir, carmelita holandês (1881-1942)

Jesus declarou-Se cabeça do Corpo místico, de que nós somos os membros. A vinha é Ele; os sarmentos somos nós (Jo 15,5). Ele estendeu-Se no lagar e começou a pisar as uvas; deu-nos assim o vinho para que, ao bebê-lo, pudéssemos viver a partir da Sua vida e partilhar dos Seus sofrimentos. Se alguém quer vir após Mim, negue-se a si mesmo, tome a sua cruz dia após dia e siga-Me. Quem Me segue não andará nas trevas, mas terá a luz da vida. Eu sou o Caminho. Na verdade, dei-vos exemplo para que, assim como Eu fiz, vós façais também (Lc 9,23; Jo 8,12; 14,6; 13,15). E como os próprios discípulos não compreendiam que o seu caminho deveria ser de sofrimento, Ele explicou-lho, dizendo: Não tinha o Messias de sofrer essas coisas para entrar na Sua glória? (Lc 24,26)

Então, o coração dos discípulos ardeu (v. 32). A Palavra de Deus inflamou-os. E, quando o Espírito Santo desceu sobre eles como chama divina para os abrasar (Act 2), ficaram cheios de alegria por terem sofrido desprezos e perseguições (At 5,41), pois assim assemelhavam-se Àquele que os tinha precedido no caminho do sofrimento. Os profetas já tinham anunciado este caminho de sofrimento de Cristo e os discípulos compreenderam, por fim, que Ele não o tinha evitado. Da manjedoura ao suplício da cruz, a pobreza e a falta de compreensão tinham sido o Seu quinhão. Ele tinha passado a Sua vida a ensinar aos homens que o olhar de Deus sobre o sofrimento, a pobreza e a falta de compreensão dos homens é diferente da vã sabedoria deste mundo (cf. 1Co 1,20). […] Na cruz está a salvação. Na cruz está a vitória. Deus assim quis.

Veja também:: Exame de consciência para uma boa confissão

Siga-nos e fique por dentro das novidades:

  

Vídeo:: 07 de março, dia das Santas Perpétua e Felicidade

Numa perseguição que se desencadeou em Cartago, foram presos nesta cidade cinco catecúmenos, entre os quais uma escrava chamada Felicidade e uma mulher, ainda nova e de posição, chamada Perpétua. A primeira estava grávida de oito meses e a segunda tinha uma criança de peito. Receberam o batismo enquanto estavam presas. Hoje a Igreja comemora a vida dessas duas santas e mártires. A história surpreendente delas, você confere neste vídeo abaixo!

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

Siga-nos e fique por dentro das novidades: