Os consultores do crime

Quero contar-lhes uma pequena estória e depois gostaria de pedir a sua opinião.

Era uma vez um homem conhecido como “Zé das Couves”. Ele não era muito responsável e meio inconsequente; vez por outra fazia coisas erradas e nunca assumia as consequências de seus atos. Ele tinha um filho e por causa de uma briga resolveu matá-lo. Porém Zé das Couves jamais havia cometido um assassinato, e não sabia como fazê-lo. A cada dia a ideia de matar o filho vinha mais forte em sua mente.

Um dia “Zé das Couves” soube que havia próximo a sua casa, um homem que ensinava a matar. Seu nome era “Senhor X”.

Ele era uma espécie de “consultor de assassinatos”. A pessoa ia até o Senhor X e ele ensinava a matar. Ele não matava; apenas mostrava como fazer, qual o melhor horário, quais as melhores armas. “Zé das Couves” então foi à casa do consultor de assassinatos. Aprendeu com ele todas as formas de matança. Conheceu as melhores armas e todos os procedimentos. Ao final da consulta, o Senhor X disse que após matar seu filho ele poderia retornar, caso algo desse errado, para que eles juntos contornassem a situação e assim o Zé das Couves não fosse preso.

No dia seguinte, Zé das Couves seguiu todas as orientações do Senhor X e matou seu filho. Fim da estória.

Agora faço uma pergunta a você que visita este blog: Quem é, ou quem são os verdadeiros assassinos desta estória trágica e nojenta? Apenas o Zé das Couves? Será que o Senhor X que prestou consultoria também não pode ser considerado assassino?

Se você acha como eu que tanto o Zé das Couves como o Senhor X são assassinos e se você acha que a consultoria do Senhor X foi algo medonho, tenebroso e hediondo fique esperto: O Governo Brasileiro está querendo prestar consultoria para todas as mulheres que desejam abortar no Brasil. Segundo o site do Padre Paulo Ricardo, no dia 06 de junho de 2012, o Secretário de Atenção à Saúde, o Sr. Helvécio Magalhães, afirmou em entrevista à Folha de São Paulo que o Sistema Único de Saúde passará a acolher mulheres que desejam fazer o aborto e a orientá-las sobre como proceder corretamente, pois o crime é “fazer” o aborto, mas prestar informações não. Percebam o absurdo da situação: a mulher que desejar abortar será orientada pelo Governo a adquirir remédios abortivos nas farmácias e quando chegar a hora será submetida à curetagem e sucção por algum Hospital público. Trata-se de uma assistência pré e pós-aborto, o crime a mulher praticará sozinha.

É importante ressaltar que no Brasil, o aborto é tipificado como crime contra a vida humana pelo Código Penal Brasileiro, em vigor desde 1984, prevendo detenção de um a quatro anos, em caso de aborto com o consentimento da mulher, e de três a dez anos para quem o fizer sem consentimento.

Art. 124 – Provocar Aborto em si mesma ou consentir que outrem lho provoque:
Pena – detenção, de 1 (um) a 3 (três) anos.

Art. 125 – Provocar Aborto, sem o consentimento da gestante:
Pena – reclusão, de 3 (três) a 10 (dez) anos.

Art. 126 – Provocar Aborto com o consentimento da gestante:
Pena – reclusão, de 1 (um) a 4 (quatro) anos.

Se a Presidente Dilma Rousseff de fato quisesse manter a legislação vigente acerca do aborto, como afirmou quando era candidata, ela não teria outra alternativa que não executar a lei. Contudo, não é o que parece. Parece que ela quer mesmo é driblar a lei, governar sem lei, por cima da lei. Estamos diante de fatos de suma gravidade, pois o país está às vésperas de assistir ao genocídio de milhares e milhares de crianças. E preciso reagir como brasileiro, cidadão e sobretudo católico.

Segundo o mesmo site, a Ministra da Secretaria de Política para Mulheres, Sra. Eleonora Menicucci, defensora confessa do aborto estaria por trás de toda a articulação para este projeto hediondo e criminoso seja efetuado. Indagada sobre o caso pelo jornal Folha de São Paulo ela respondeu:

“somente ser crime praticar o próprio aborto, mas que o governo entende que não é crime orientar uma mulher sobre como praticar o aborto”. ( Ministra da Secretaria de Política para Mulheres, Sra. Eleonora Menicucci)

Agora a pergunta que não quer calar: Se vivemos em um país onde a maioria da população é contra o aborto e onde o aborto é crime previsto por lei, porque o Governo Brasileiro quer tanto criar essa cultura de morte na nossa nação? Porque aprovar este tipo de assassinato? A quem isso interessa?

Ontem eu vi uma matéria no Fantástico que criticava o descaso dos Governos com os Hospitais Universitários em todo o Brasil. E enquanto assistia a matéria eu me perguntava: Por que investir em consultoria pró-aborto enquanto a saúde no Brasil padece a passos largos?

É preciso fazer alguma coisa e fazer rápido!

O padre Paulo Ricardo em seu site também deixou um documento muito interessante sobre os números do aborto no Brasil. Você disponibilizar este documento clicando aqui. No mais, divulgue este texto para os seus amigos e ajude a conscientizar os católicos do Brasil. Se eles querem ensinar a matar, nós precisamos nos defender não votando nesses que defendem a morte e cobrando dos deputados e senadores em quem votamos uma posição firme a respeito da defesa da vida dos que nem podem se defender por si.

Siga-nos e fique por dentro das novidades:
  
Anúncios

2 comentários sobre “Os consultores do crime

  1. É irmãos, se a maioria das pessoas continuar com os braços cruzados e acreditar que isso não tem nada a ver com ela, não sei aonde vamos parar… O mundo está insano, agora ensinar a abortar. Daqui a pouco será o quê? Nem imagino…

  2. OS SUCESSORES DE HERODES CONTINUAM SUA MACABRA MISSÃO…
    Ele foi, de fato, um rei muito poderoso e influente, por manter cativos fiéis seguidores até hoje. Ele tencionava matar a Jesus: fê-lo trucidando milhares de crianças em seu lugar, subtendendo que estaria dentre elas, à época, abaixo de 2 anos. Em pleno século XXI Herodes capta numerosíssimos discípulos, vinculados a seu espírito satânico, em nome e lugar de quem praticam, promovem o aborto ou votam em candidatos ou partidos socialistas ou comunistas , onde o “mentir” é virtude – piores os possuidores de militância ativa – que implantam leis homicidas com o aval de seus eleitores, como a do aborto e outras anti ético-morais cristãs.
    Nem os animais jamais ingerem seus ovos ou abortam os filhotes.
    Assim sendo, todas as crianças sacrificadas nos abatedouros, matadouros ou clínicas de aborto, esses colaboracionistas têem suas digitais impressas no sangue derramado de cada uma delas proveniente desses fratricídios praticados; são excluídos da Igreja por grave apostasia, não podendo inclusive receber validamente os sacramentos, transformando-se em mortos espirituais, defuntos ambulantes.
    O pior, no Juízo Final serão duramente interpelados de co-participação em cada um desses assassinatos. Já possuímos tantos pecados pessoais, adicionaremos ainda mais homicídios, propositamente? Poderíamos evitá-los não avalizando tais procedimentos, acrescendo milhares de gravíssimos pecados ainda mais ao nosso já sujíssimo currículo existencial como católicos, provando-o os muitos envolvidos em injustiças.
    A não ser que a pessoa, após infortunada existência, maldita vida, queira ser recebido por Satanás e ouvir dele: obrigado, comparsa, tome posse do reino do inferno; é todo seu, precipitando-o adentro para sempre, daí sugerindo a pergunta: disporia-se você a correr tal risco?

    Por outro lado, convém melhor se esclarecerem as mulheres no risco a que se expõem em uso de pílulas contraceptivas em relacionamentos conjugais, podendo oportunizar a existência de “abortos ocultos”, pela ação anticoncepcional ser impedida a fixação do óvulo já fecundado, sendo expelido; pior ainda as pílulas abortivas “do dia seguinte”, incidindo igualmente no anterior.

    Aliás, ao acaso os abortistas apreciariam ser mortos no leito quando adormecidos, devidamente amordaçados, sem a menor possibilidade de reação, sendo aos poucos retalhados em partes até à consumação final do frio assassinato, urrando de dor e muito mais, da mesma forma que procedem para com os indefesos nascituros, será?
    E mais: se o abortista acima relatado ainda à hora tiver a visão de Satanás lhe dizendo: aguente firme, daqui a pouco estará comigo…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s