Oração Oficial JMJ 2013

O texto abaixo é retirado e adaptado do site: http://www.rio2013.com/pt/

Deu para sentir o gostinho de como será Jornada Mundial da Juventude no Rio de Janeiro. Os jovens tomaram as ruas do centro da cidade na noite do dia 13 de julho para proclamar a presença de Jesus em um testemunho autêntico de fé.

Oração Oficial havia acabado ser lançada no Largo da Carioca e a procissão transformou a noite de muitos que estavam Lapa e arredores, tradicional ponto de encontro da noite carioca. O convite, impresso no folheto que contém a oração, com as figuras dos patronos e intercessores, dizia: “Eles decidiram ser discípulos de Jesus. Você pode ser discípulo também!”. Para os jovens foi ‘missão dada, missão cumprida’.

Era palpável o amor à JMJ e o desejo de estarem prontos para acolher o mundo inteiro, que naquele momento já se unia ao Rio, através da oração nas diversas línguas, partilhada nas redes sociais.

Conduzidos à frente pelos rostos dos patronos e intercessores e guiados pelo pastor da Igreja no Rio, o arcebispo e o presidente do Comitê Organizador Local (COL), Dom Orani João Tempesta, os jovens cantaram e rezaram sem parar até a Igreja de Sant’Ana, onde teve prosseguimento a 9ª Vigília dos Jovens Adoradores.

Para Sílvia Amoedo, 27 anos, voluntária na Nossa Senhora da Paz, a noite não foi só de oração, mas de muita animação. “Essa minha alegria faz parte da contagem regressiva desde o anúncio feito em Madri”. A jovem chamou atenção para o encontro nos Arcos da Lapa. “Foi o ponto alto da noite. O contraste da geração de Cristo e os que ainda não se encontraram com Ele… A presença de Dom Orani e a santa audácia de um bispo que não temeu a noite… senti que era Cristo confortando aquela juventude. Essa juventude aqui hoje, reunida, deve ser e já é o anúncio de Deus. A juventude é o próprio anúncio!”, afirmou Sílvia.

Um dos momentos fortes da procissão em frente à Cruz Vermelha e o Instituto Nacional do Câncer (Inca), momento em que todos ficaram em silêncio para a benção do arcebispo aos enfermos.

Antonio Marcos disse que ficou impressionado com a presença dos bispos na procissão. “O que mais me marcou foi quando paramos no Inca. Só então eu percebi que Dom Orani estava o tempo todo lá”, comentou.

Já no santuário Dom Orani convidou os jovens a não deixarem o entusiasmo apagar. “Somos chamados a viver a cada dia aquilo que vivemos juntos hoje; de maneira profunda viver a firmeza da fé. Estamos chamados a estar sempre disponíveis”, disse ele ao encerrar a missa.

“Só consegue fazer discípulo, aquele que aprendeu a ser discípulo”

O clima de contagem regressiva para a Jornada não terminou com a procissão. Dentro do Santuário de Adoração Perpétua, banners em pelo menos sete línguas distintas, divulgavam a Oração Oficial, simbolizando a unidade que ela representa.

O ministério Aliança de Misericórdia animou a primeira parte da vigília. Às 2h, a equipe de retiro Fonte de Vida, do Vicariato Suburbano, assumiu o louvor até às 6h.

“Este é um momento solene, porque o jovem está fazendo história na Igreja”, disse Pitter D’Laura, da Canção Nova, que conduziu a pregação onde destacou o tema da JMJ Rio2013: “Ide e fazei discípulos entre todas as nações”. Entoando a música “Amigos para sempre”, ele disse que temos que nos espelhar na relação de confiança de Pedro com Jesus. “Ninguém é feliz sozinho. Só consegue fazer discípulo, aquele que aprendeu a ser discípulo. Só consegue fazer discípulo, aquele que aprendeu a ser discípulo.”, ressaltou.

Pitter falou ainda da importância de rezar e falar de Deus nessa caminhada que falta até a Jornada. “Ide! A palavra de Deus é clara. Ele não diz como, só pede que a gente vá. Não é preciso saber falar bem, é preciso saber ouvir. Feliz aquele que já estendeu um ombro e fez diferença na vida de alguém.”, completou.

Na sua pregação, ele ainda conscientizou os jovens adoradores sobre a responsabilidade de sediar um evento tão grande. “Foi providencial a JMJ ser aqui, Deus não quer gente perfeita, mas sim amigos para ajudá-lo a evangelizar, um povo parceiro como o povo do Rio de Janeiro”, enfatizou.

Kit vigília

Quem foi pela primeira vez à vigília, promete voltar mais vezes e ainda dá dicas de como aproveitar o momento até às 6h. “Eu vou voltar sempre e ainda quero trazer uma amiga de Cabo Frio para ela conhecer e rezar junto comigo. Acordei cedo hoje para trabalhar, mas dá para ter uns truques para persistir até o fim. Basta dar um cochilo de 20 minutos e isso revigora a gente. Nas próximas vou montar um kit vigília: vou trazer minha manta, um travesseiro compacto e um lanchinho.”, brinca Celso Luis Felix, 28 anos, do grupo jovem Cristo Rei, em Vaz Lobo, Vicariato Suburbano.

André Luis de Sousa, 23 anos, da Paróquia Nossa Senhora de Fátima, em Niterói, conta que a vigília é um de seus propósitos com Deus “Eu vou vir a todas as vigílias até a jornada. Só através da oração que tudo vai acontecer como Deus quer. A Oração Oficial é perfeita. Eu entendo que é como se estivéssemos dando boas vindas a quem vem para o Rio. Agora estou na expectativa do hino”, revela o jovem.

Pitter afirmou que a melhor forma de evangelização é por contágio. E o ônibus com 48 jovens vindos de Barbacena, Minas Gerais, foi uma prova disso. “Nós enfrentamos essa viagem e viemos direto para cá. Agora partimos para o acampamento Thalita Kum. Não podemos vir sempre por causa da distância, mas sem dúvida estaremos juntos pela oração”, acredita Aline Milene Garcia, ministra externa do Arco-Íris, segunda ala da Aliança de Misericórdia.

Oração Oficial da JMJ 2013:

Ó Pai, enviaste o Teu Filho Eterno para salvar o mundo e escolheste homens e mulheres para que, por Ele, com Ele e nEle, proclamassem a Boa-Nova a todas as nações. Concede as graças necessárias para que brilhe no rosto de todos os jovens a alegria de serem, pela força do Espírito, os evangelizadores de que a Igreja precisa no Terceiro Milênio.

Ó Cristo, Redentor da humanidade, Tua imagem de braços abertos no alto do Corcovado acolhe todos os povos. Em Tua oferta pascal, nos conduziste pelo Espírito Santo ao encontro filial com o Pai. Os jovens, que se alimentam da Eucaristia, Te ouvem na Palavra e Te encontram no irmão, necessitam de Tua infinita misericórdia para percorrer os caminhos do mundo como discípulos-missionários da nova evangelização.

Ó Espírito Santo, Amor do Pai e do Filho, com o esplendor da Tua Verdade e com o fogo do Teu Amor, envia Tua Luz sobre todos os jovens para que, impulsionados pela Jornada Mundial da Juventude, levem aos quatro cantos do mundo a fé, a esperança e a caridade, tornando-se grandes construtores da cultura da vida e da paz e os protagonistas de um mundo novo. Amém!

Siga-nos e fique por dentro das novidades:
  
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s