Virgindade Perpétua de Maria:: Escritos de São Jerônimo – Capítulo 17

Posto aqui mais um capítulo da Carta de São Jerônimo a Helvídio a respeito da Virgindade Perpétua da Virgem Maria. Aqui iremos nos aprofundar no sentido da “irmandade”, segundo a bíblia.

CAPÍTULO XVII

Inumeráveis exemplos da mesma espécie podem ser vistos nos Livros Sagrados.

Mas, para abreviar, volto à última das quatro espécies de irmãos, aqueles, esclareço que são irmãos por afeição, e estes novamente são de duas espécies: aqueles por um relacionamento espiritual e aqueles por um relacionamento geral. Digo espiritual porque todos nós cristãos somos chamados irmãos, como no verso: “Veja como é bom e agradável para os irmãos viverem juntos na unidade”. E em outro Salmo, o Salvador diz: “Eu enumerarei teu nome entre meus irmãos”. E, em outro lugar: “Vá a meus irmãos e dize-lhes…”

Eu disse – por relacionamento geral – porque nós somos todos filhos de um mesmo Pai, há como um penhor de irmandade entre nós todos. “Dizei àqueles que vos odiarem:” – diz o profeta – “vós sois nossos irmãos”. E o Apóstolo escrevendo aos Coríntios: “Se algum homem que é chamado irmão for um fornicador, ou avarento, ou idólatra, ou caluniador, ou beberrão, ou autor de extorsões, com alguém assim, não se deve comer”.

Agora eu pergunto à que classe você considera que devem pertencer os irmãos do Senhor, no Evangelho. Eles são irmãos por natureza, você responde. Mas a Escritura não diz isso. Não os chama nem filhos de Maria, nem de José. Poderíamos dizer que eles eram irmãos pela raça? No entanto, seria absurdo supor que uns poucos judeus fossem chamados irmãos quando todos os judeus daquele tempo poderiam, a esse título, reivindicar o nome. Eram eles irmãos pela virtude de intimidade estreita e de união de coração e pensamento? Se eram assim, quais eram exatamente seus irmãos mais do que os apóstolos que receberam sua instrução privada e eram chamados por Ele Sua mãe e Seus irmãos? Novamente, se todos os homens, como visto, eram seus irmãos, seria loucura dar uma mensagem especial: “Vede, seus irmãos o procuram” porque todos os homens semelhantemente mereceriam esse nome.

A única alternativa é adotar a explicação anterior e considerar que são chamados irmãos em virtude do vínculo de parentesco, não de amor e simpatia, nem por prerrogativa de raça, nem pela natureza. Exatamente como Lot foi chamado irmão de Abraão, e Jacó, de Labão, exatamente como as filhas de Zelophehad receberam um lote entre seus irmãos, exatamente como o próprio Abraão tinha a esposa Sarai por sua irmã, porque ele diz: “Ela é de fato minha irmã, por lado de pai, não pelo lado da mãe” o que quer dizer, ela era filha de seu irmão e não de sua irmã. De outro modo, o que diremos de Abraão, um homem justo, falando que a esposa era filha de seu próprio pai?

A Escritura, relatando a história dos homens nos tempos primitivos, não ultraja nossos ouvidos falando da amplitude em termos expressos, mas prefere deixá-la ser inferida pelo leitor. Deus mais tarde aplicou a sanção de lei à proibição, estabelecendo: “Quem toma sua irmã, filha de seu pai, ou de sua mãe, e mostra sua nudez, comete abominação, deverá ser morto. Aquele que descobre a nudez de sua irmã, deverá pagar seu pecado”.

Veja Também:: Capítulos 1 e 2 | Capítulos 3 e 4 | Capítulo 5 e 6 | Capítulos 7 e 8|Capítulos 9 e 10 | Capítulos 11 e 12 | Capítulos 13 e 14 | Capítulo 15 | Capítulo 16

( Tradução: José Fernandes Vidal e Carlos Martins Nabeto – Central de Obras do Cristianismo Primitivo)

Siga-nos e fique por dentro das novidades:
  

7 comentários sobre “Virgindade Perpétua de Maria:: Escritos de São Jerônimo – Capítulo 17

  1. Pingback: Virgindade Perpétua de Maria:: Escritos de São Jerônimo – Capítulo 18 « Dominus Vobiscum

  2. Pingback: Virgindade Perpétua de Maria:: Escritos de São Jerônimo – Capítulo 19 « Dominus Vobiscum

  3. Pingback: Virgindade Perpétua de Maria:: Escritos de São Jerônimo – Capítulo 20 « Dominus Vobiscum

  4. Pingback: Virgindade Perpétua de Maria:: Escritos de São Jerônimo – Capítulo 21 « Dominus Vobiscum

  5. Pingback: Virgindade Perpétua de Maria:: Escritos de São Jerônimo – Capítulo 22 « Dominus Vobiscum

  6. Pingback: Virgindade Perpétua de Maria:: Escritos de São Jerônimo – Capítulo 23 « Dominus Vobiscum

  7. Pingback: Virgindade Perpétua de Maria:: Escritos de São Jerônimo – Capítulo 24 « Dominus Vobiscum

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s