E a França vai as ruas para dizer não ao casamento gay!

A França sempre foi palco de grandes revoluções ao longo da história. Ontem (dia13/01) ela viu mais uma linda manifestação do seu povo, desta vez em defesa da família e dos valores cristãos tão defendidos por nós deste blog.

Segundo o site da rádio RFI da França, a manifestação reuniu cerca de 800 mil pessoas, de diversas denominações de fé que vieram dos quatro cantos do  país para protestar contra um projeto de lei que o presidente francês François Hollande defendeu em sua campanha: A legalização do casamento gay.

Paris2

Vale a pena ressaltar que o governo socialista apesar de ter sentido o golpe da manifestação (pois imediatamente após o protesto foram ara a TV minimizar os danos), afirma que não vai recuar e promete aprovar esta lei até julho (assim como no Brasil, os socialistas estão dispostos a derrubar os valores da sociedade como a família por exemplo).

Todo caso, é de se notar e enaltecer a atitude do povo francês que ao contrário do povo brasileiro, vai para as ruas e mostra o que pensa, pressionando seus governantes e mostrando a sua opinião a respeito dos mais variados assuntos.

E como sabemos políticos podem ser tudo no mundo, menos burros! Eles sabem que um passo errado pode custar a sua reeleição e portanto vão pensar bem antes de aprovar tal projeto de lei. Aqui no Brasil eles não temem muito, pois o infelizmente o brasileiro (e aqui incluo os católicos) são acomodados. Preferem ver o Big Brother em seus sofás, do que se envolver em assuntos que mexem com a sociedade que vivem e com os valores que professam. Ir para as ruas? Nem pensar!

Paris1

Porém uma manifestação deste tipo enche os católicos de esperança, haja vista que a França em muitos momentos da história insurgiu contra a Igreja, contestando valores e doutrinas. Hoje vemos os mesmos franceses irem as ruas para defender a família, célula essencial da nossa sociedade.

Hoje vivemos em um tempo onde política, religião, valores e sociedade se misturam sim e só quem não quer enxergar diz ao contrário. É tempo de mostrarmos ao mundo no que acreditamos.

Que sirva o exemplo também as nossas autoridades eclesiásticas: Com todo o respeito, nesta manifestação eu vi bispos engajados, indo para as ruas e motivando os católicos a fazerem o mesmo. Penso que já passou do tempo dos nossos bispos e cardeais se posicionarem e mobilizarem os fieis católicos para fazerem algo como a manifestação francesa que vimos ontem. Já pensou como seria diferente se tivéssemos feito algo parecido há tempos atrás?

Dominus Vobiscum

Anúncios

Um comentário sobre “E a França vai as ruas para dizer não ao casamento gay!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s