Pornografia: Como vencer este vício?

pornografia

Somos chamados a castidade. A pornografia é um buraco negro que acaba com a vida de muitos jovens, estimula o adultério e destrói famílias e lares.

A pornografia é um problema sério, que poucos evangelizadores tem o hábito de falar. É quase um tabu. Quando se trata das drogas já existem movimentos católicos que combatem este problema. Existem folders, cartazes, grupos de ajuda… Mas a pornografia também é um ato que vicia (e talvez até de forma mais dura e cruel do que a droga). Ela tem feito muitos estragos nas vidas das pessoas, destruindo lares e estimulando o adultério. O Catecismo da Igreja Católica diz:

A pornografia consiste em retirar os atos sexuais, reais ou simulados, da intimidade dos parceiros, para exibi-los a terceiras pessoas, de modo deliberado. Ofende a castidade, porque desnatura o ato conjugal, doação íntima dos esposos um ao outro. É um grave atentado contra a dignidade das pessoas intervenientes (atores, comerciantes, público), uma vez que cada um se torna para o outro objeto de um prazer vulgar e de um lucro ilícito. E faz mergulhar uns e outros na ilusão dum mundo fictício. É pecado grave. As autoridades civis devem impedir a produção e a distribuição de material pornográfico. (CIC§2354)

Infelizmente muitos homens (e atualmente até mulheres católicas) vivem o vício da pornografia, e consequentemente da masturbação. Neste contexto não estão apenas os jovens, mas adultos, idosos, solteiros, casados, seminaristas e até sacerdotes. É um problema difícil de lhe dar, pois é fácil hoje acessar um site pornográfico quando se está sozinho e assim se deixar levar pelos seus apetites sexuais que em muitas vezes termina no ato da masturbação (isso quando não acaba em coisas piores, como em uma traição, por exemplo). E o pior é que fica tudo em segredo, pois infelizmente admitir o vício da pornografia é algo difícil e complexo, muito embora seja necessário.

Uma recente pesquisa revelou que quase um de cada cinco usuários regulares de pornografia se sente controlado por seus desejos sexuais. Por outro lado, um estudo da Universidade de Cambridge mostrou que as pessoas viciadas na pornografia têm uma atividade cerebral parecida com a dos alcoólicos ou drogados.

“A pesquisa mais recente informou que a pornografia funciona como uma droga em relação à atividade cerebral… Os usuários regulares da pornografia costumam preferir a fantasia à realidade, assim como a televisão a um ser humano.” (Clay Olsen, Co-fundador e diretor executivo do Fight the New Drug – Luta contra a nova droga )

Porém nem tudo são notícias ruins. O bom de tudo isso é que a pesquisa revelou que “o cérebro é capaz de curar-se e voltar para um estado saudável”.

É preciso dizer ainda que a pornografia é uma obra do demônio, que é o “pai da mentira”. É ele quem propõe a pornografia como uma felicidade enganosa. Como em uma pescaria, em que a isca parece saborosa, mas esconde um anzol pronto para fisgar o peixe, a pornografia parece atrativa, mas, dentro dela, há um “anzol” para ferir, matar a vida da alma e precipitá-la no fogo do inferno. De fato, as pessoas que pecam na pornografia deveriam ser representadas em um leito em chamas. Porque, com aquele pecado, elas estão lançando no fogo do inferno a si mesmas e àqueles que lhe assistem. Alguém pode objetar que Deus, por ser amor, não vai condenar ninguém ao inferno só por causa de uma relação sexual. Mas, é necessário lembrar que o contrário do amor não é necessariamente o ódio. Quando uma pessoa usa a si própria e a alguém para buscar um prazer, não está amando de verdade; está, ao contrário, profanando o seu corpo, que é “templo do Espírito Santo”.

78-rc-frame-vencer-vida

Somos chamados a vencer nossos pecados através da oração, confissão, atitudes concretas e sobretudo com a partilha.

Como se libertar da pornografia?

A primeira coisa é ter uma vida de oração, e não abandoná-la caso caia. Quando pecamos é normal sentirmos vergonha de Deus, e com isso deixarmos de rezar. Mas é justamente o contrário. Jesus sabe que você caiu em um vício e quer te ajudar, portanto reze sempre. Tenha uma vida de oração sempre e quando cair não tenha medo de confessar seu pecado e seguir em frente! É necessário primeiramente buscar o sincero do perdão de Deus. Este é o segundo passo para aquele que “peca contra o seu próprio corpo” (1 Cor 6, 18).

(Faça um bom exame de consciência, busque um sacerdote e confesse seu pecado)

Depois é preciso entender que o vicio da pornografia não começa de uma hora para outra. Não é algo que surge do nada. Ele vai crescendo dentro de nós. Sendo cultivados dentro nós: na mente e no coração. E existem várias situações que vão despertando o desejo de experimentar a pornografia, ainda que seja a curiosidade. Este desejo é igual a erva daninha: vai crescendo dentro de nós e criando raízes e quando menos percebermos, já estamos pensando nas suposições, ideias e futuras iniciativas. Daí somente depois vem o ato. Portanto se você deseja vencer o vício da pornografia, é necessário combater o pecado ainda enquanto pensamento. Quando você pensar em pornografia, ou desejá-la, é preciso combater com oração.

Depois, se você deseja combater a pornografia em sua vida é preciso dar passos concretos. Se para reconhecer esta situação sequer é preciso crer, para livrar da não se pode dizer o mesmo. Você não precisar ir a fundo na pornografia para depois sair. É ao contrário! Mantenha-se afastado dela e de todas as ocasiões de pecado! Lembre-se que o viciado em pornografia se sente estimulado em tudo que vê. Portanto é preciso evitar sites, filmes, revistas e livros que estimulem a sua sexualidade. E não estou falando apenas de sites pornográficos, mas sites onde a sexualidade se vê aflorada. Existem amigos e amigas nossas que postam fotos ousadas em seus facebooks. Se isso te estimula a posteriormente migrar para um site pornográfico, bloqueie essa pessoa, ou ao menos ignore-a. Uma boa dica também é evitar o uso de PCs, tablets, notebooks, notepads quando estiver sozinho no quarto, sobretudo depois de um determinado horário. Da mesma forma livros, revistas, filmes…

Um jovem que vivia este problema e que acompanhei discretamente até um tempo atrás, disse que venceu a luta com a pornografia depois que tirou o PC do seu quarto e instalou na sala de sua casa. Como ele era acostumado a acessar o PC, a noite sozinho no quarto, isso foi muito importante para que ele vencesse a luta. Recentemente ele me disse que já estava há seis meses sem acessar um site pornográfico e fazia quatro meses que não se masturbava.

Porém a maior dica que dou para que você vença a pornografia é essa: Não viva seu problema sozinho! Procure alguém de confiança e partilhe o que você está vivendo. Peça ajuda! É importante conversar com alguém que vive a castidade, pedindo forças para vencer o problema. Se você é homem, procure um homem de confiança, maduro na fé, para lhe ajudar a vencer este problema. Na falta, procure até um psicólogo cristão. Você mulher, procure uma senhora, alguém com maturidade para te ajudar. Veja que eu indiquei sempre alguém do mesmo sexo, pois vai lhe dar mais confiança para partilhar seu problema. Mas é essencial partilhar, dividir seu fardo com alguém que vai te ajudar a vencer o mal.

Espero que este seja o pontapé inicial para a sua vitória frente à masturbação e ao vício da pornografia.

“Referi-vos essas coisas para que tenhais a paz em mim. No mundo haveis de ter aflições. Coragem! Eu venci o mundo” (Jo 16, 33).

Pax Domini. Dominus Vobiscum

Anúncios

Um comentário sobre “Pornografia: Como vencer este vício?

  1. Pingback: Quaresma de São Miguel Arcanjo: 7º Dia – Rezamos pela libertação do vício da pornografia | Dominus Vobiscum

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s