É Deus (e só Ele) quem cuida de nós!

familia

Não entregue sua vida, sua história e seu destino a quem não pode, não quer e nem vai te levar a plena realização. Só Deus pode cuidar de você!

O título deste texto resume toda a história da humanidade: É Deus quem cuida do homem! Se você pegar a Bíblia e fizer uma fria análise da relação entre Deus e o homem, você perceberá que em todos os momentos da história, Deus sempre proveu as necessidades do ser humano: Sua obra-prima, sua imagem e semelhança. Ele sempre cuidou das necessidades do ser humano, desde o primeiro homem, até as sociedades organizadas (povo).

“Ele aparece, por um lado, como origem daquilo que é, como presença que garante aos homens, socialmente organizados, as condições básicas de vida, pondo à disposição os bens necessários; por outro lado, como medida do que deve ser, como presença que interpela o agir humano tanto no plano pessoal como no social sobre o uso dos mesmos bens nas relações com os outros homens.” (Compêndio da Doutrina Social da Igreja § 20)

É importante que saibamos antes de qualquer coisa, que Deus nos ama, Deus nos cerca, Deus está perto de nós. E esta proximidade se dá pelo amor que Ele tem por todos nós de forma única e exclusiva.

Contudo, é importante que se diga que quando afirmamos que Deus está perto de nós e cuidando de nós, não podemos pensar que as coisas estão ruins por vontade de Deus, o que Ele deseja coisas ruins. Deus não deseja mortes, não deseja inflação, corrupção, pobreza e abandono. Deus não quer hospitais sem suprimentos, sem médicos e sem cuidados. Deus não quer violência. As coisas estão ruins, mas sem Deus, provavelmente seriam piores. É preciso que entendamos que o mundo jaz no maligno (1 Jo 1,5) mas apesar disso, o Senhor interfere no meio em que vivemos manifestando seu amor e só não manifesta mais, porque os homens se afastaram Dele. Foi assim na criação, foi assim quando o povo se tornou escravo no Egito, foi assim em diversos eventos narrados na Palavra de Deus. Em todos eles, Deus se manifestou gratuitamente e sem nada exigir em troca, para libertar seu povo das situações mais difíceis.

É preciso que se diga que quando o homem se mete em enrascada a razão principal é uma só: O afastamento de Deus. Leia a Bíblia e veja que quando o homem resolve trilhar seus próprios caminhos e se afastar do caminho de Deus, ele sempre se mete em fria. Se Deus é a luz, quem Dele se afasta cai na escuridão. A grande raiva e frustração do ser humano é não obter êxito de uma vida frutuosa e feliz longe de Deus.

Talvez você me diga: Mas eu sou fiel a Deus, minha família é temente a Deus. Vamos a missa, rezamos, fazemos tudo conforme reza o catecismo, mas passamos por situações difíceis. Por que isso acontece?

A resposta é simples: A sua conversão pessoal é importante, pois ela muda sua vida por dentro, por inteiro. Mas perceba que a relação de Deus na Bíblia em muitos momentos se dá com um povo e não de forma individual. Em vários momentos bíblicos, foi necessário que o povo como um todo, se arrependesse de seus pecados – sobretudo de idolatria e indolência – para se voltar ao Deus Verdadeiro e retomar a caminhada. Você encontrou Deus, mas ainda tem muita gente no mundo que não o conhece e que por isso talvez até de forma involuntária, está ai praticando o mal e complicando a vida dos outros. Portanto perceba que o encontro pessoal com Deus é o primeiro passo para uma grande mudança, porém é necessário apresentar este mesmo Deus para os que não o conhecem e é este efeito em cascata que vai transformar a sociedade.

Mas veja bem: Aqui eu não estou falando de ir à Missa, ou a grupo de oração. Estou falando de um encontro pessoal com Deus. Aquele momento onde Deus se manifesta na sua vida e te revira de cabeça para baixo e dá sentido a tudo que você já viveu. Muita gente vive décadas na Igreja mas nunca experimentou Deus. Isso é fundamental para a vida de todas as pessoas.

Perceba que em todas as vezes que Deus libertou o povo de alguma cilada, ele propôs uma aliança. Quero repetir a palavra “propôs”. Deus fez uma proposta e nunca uma ordem. Deus nos apresenta um caminho. Deus nos faz uma oferta. Mas que oferta seria essa?

Ser o seu povo enquanto Ele seria o Deus desse povo. Como um casamento onde o esposo se dá a esposa, Deus propõe ao homem esta Aliança. E esta é a única forma do homem não cair na cilada do inimigo. Esta é a única maneira do homem não fazer da sua vida um inferno. No próximo texto, falaremos mais sobre esta Aliança.

Espero você por aqui.

Dominus Vobiscum

Anúncios

2 comentários sobre “É Deus (e só Ele) quem cuida de nós!

  1. Pingback: O que os dez mandamentos tem a ver com a Doutrina Social da Igreja? | Dominus Vobiscum

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s