Oração por um lar feliz!

Imagem

A igreja iniciou a semana celebrando a família, gosto muito dessa celebração, amo e devo muito à minha família.

Acredito que é pela família que aprendemos e construímos os principais valores de nossa história de vida, é ainda com a família que acertamos, erramos e vivemos das mais simples alegrias às mais profundas tristezas. Por isso, convido-nos pedir à Jesus por nossas famílias:

Senhor Jesus, Tu viveste em uma família feliz. Faze nesta casa uma morada de Tua presença, um lar quente e afortunado.
Venha a tranquilidade para todos os seus membros, a serenidade para nossos servos, o controle para nossas línguas, a saúde
para nossos corpos.
Que os filhos sejam e sintam-se amados e se afastem deles para sempre a ingratidão e o egoísmo.
Inunda, Senhor, o coração dos pais de paciência e de compreensão, e de uma generosidade sem limites.
Estende, Senhor Deus, um toldo de amor para abrigar e refrescar, aquecer e amadurecer a todos os filhos desta casa.  Amém.

Siga-nos e fique por dentro das novidades:
  
Anúncios

E quando a doença chega?

ImagemDe repente, nos deparamos com uma doença na família… é comum nos desesperar e acabamos esquecendo que Deus está no controle de tudo. Não é fácil aceitar ou entender uma doença. Mas antes de tudo, lembremos que Jesus curou tantos doentes simplesmente porque tinham fé!

O Senhor diz: “Está alguém doente entre vós? Chame os sacerdotes da Igreja, e estes façam oração sobre o doente, ungindo-o com óleo, em nome do Senhor. E a oração da fé salvará o doente, e o Senhor o aliviará. E se estiver em pecado, ser-lhe-ão perdoados” (Tg 5,14-15).

Assim, tenhamos a fé e coragem de pedir à Jesus:

Senhor Jesus, pela vossa palavra e pelos gestos de vossas mãos, curastes cegos, paralíticos, leprosos e tantos outros doentes. Animados pela fé, nós também vimos suplicar pelos nossos enfermos e nossas enfermidades, em especial por (colocar do enfermo). Dai-lhes, Senhor: A graça da perseverança na oração, apesar do desânimo próprio da doença e da espera.A graça da coragem para buscar a cura, mesmo depois de várias tentativas. A graça da simplicidade para aceitar a ajuda dos profissionais, familiares e amigos. A graça da humildade, para reconhecer as próprias limitações. A graça da paciência nas dores, dificuldades e prolongamento do tratamento. A graça de compreender, pela fé, a transitoriedade desta vida. A graça de entender que o pecado é a maior de todas as enfermidades. Que tenhamos todos a compreensão de que no sofrimento humano se completa Vossa Paixão Redentora. Se for para vossa glória, nós vos pedimos a cura de todos os nossos enfermos e de nossas enfermidades físicas e espirituais. Amém!

Siga-nos e fique por dentro das novidades:
  

Você conhece o Terço da Divina Misericórdia?

Imagem

Este terço foi ensinado durante uma visão que Irmã Faustina teve em 13 de setembro de 1935: “Eu vi um anjo, o executor da cólera de Deus… a ponto de atingir a terra… Eu comecei a implorar intensamente a Deus pelo mundo, com palavras que ouvia interiormente. À medida em que assim rezava, vi que o anjo ficava desamparado, e não mais podia executar a justa punição…”

No dia seguinte, uma voz interior lhe ensinou essa oração nas contas do rosário. Mais tarde, Jesus disse a Irmã Faustina:

“Pela recitação desse Terço agrada-me dar tudo que Me pedem. Quando o recitarem os pecadores empedernidos, encherei suas almas de paz, e a hora da morte deles será feliz. Escreve isto para as almas atribuladas: Quando a alma vê e reconhece a gravidade dos seus pecados, quando se desvenda diante dos seus olhos todo o abismo da miséria em que mergulhou, que não desespere, mas se lance com confiança nos braços da minha Misericórdia, como uma criança nos braços da mãe querida. Estas almas têm sobre meu Coração misericordioso um direito de precedência. Dize que nenhuma alma que tenha recorrido a minha Misericórdia se decepcionou nem experimentou vexame…”

“….Quando recitam este Terço junto aos agonizantes, aplaca-se a ira divina, inconcebível misericórdia envolve a alma…” (Diário n.754).

“… As almas que rezarem este terço serão envolvidas pela Minha misericórdia em sua vida e, especialmente, na hora da morte” (Diário n. 754).

Como rezar o Terço da Divina Misericórdia?

No princípio: Pai Nosso… Ave Maria… Creio

Nas contas grandes do Pai Nosso: Eterno Pai, eu Vos ofereço o Corpo e Sangue, Alma e Divindade de Vosso Diletíssimo Filho, Nosso Senhor Jesus Cristo, em expiação dos nossoas pecados e dos pecados do mundo inteiro.

Nas contas pequenas: Pela sua dolorosa paixão, tende misericórdia de nós e do mundo inteiro!

No fim do terço (três vezes): Deus Santo, Deus Forte, Deus Imortal, tende piedade de nós e do mundo inteiro.

Ato de Consagração a Divina Misericórdia: Misericordiosissímo Jesus, Vossa bondade é infinita e os tesouros da Vossa Graça inexauríveis. Eu tenho infinita confiança na Vossa Misericórdia que se estende sobre todas as criaturas. Eu me entrego inteiramente a Vós e sem reserva para que eu possa asssim viver e esforçar-me para alcançar a perfeição cristã. Eu desejo propagar a Vossa Misericórdia através da realização de obras de misericórdia tanto espirituais quanto corporais, especialmente para a conversão dos pecadores; consolar e ajudar os necessitados, aos aflitos e enfermos.

Guardai-me, pois, como Vossa propriedade e Vossa glória, pois enquanto tenho tudo para temer minha fraqueza humana, ao mesmo tempo tenho tudo para confiar na Vossa Misericórdia. Possam todos os homens conhecer os insondáveis abismos da Vossa Misericórdia, para nela confiar e glorificá-la sempre. Amém.  Jesus, eu confio em vós!

Siga-nos e fique por dentro das novidades:
  

Oração para antes de se tomar uma decisão

ImagemQuantas vezes ao dia temos que tomar decisões? Muitas vezes. Porém, nem sempre sabemos se estamos nos decidindo conforme a vontade de Deus, nem mesmo sabemos qual escolha devemos tomar, pois simplesmente não entendemos os desígnios de Deus com aquela situação.

Por isso, convido-vos a orar e pedir que Deus nos dê a graça de cumprir a Sua vontade, não só em escolhas e decisões importantes de nossas vidas, mas também em nossas escolhas mais corriqueiras e espontâneas. Esta oração é retirada de um livro muito antigo e tradicional da Nossa Santa Igreja chamado Imitação de Cristo. Rezemos juntos!

Oração para pedir a Deus a graça de cumprir a sua vontade

Concedei-me, bom Jesus, a Vossa graça; que ela esteja em mim, que aja comigo, e que permaneça comigo até o fim. Fazei com que eu deseje e queira sempre o que Vos é mais agradável, e o que preferis. Que Vossa vontade seja a minha; e que minha vontade siga sempre a Vossa, e jamais se afaste dela, em nada. Que, unido a Vós, eu nada queira, nem possa querer, senão o que quereis; e que assim seja quanto ao que não quereis. Dai-me morrer para tudo o que é do mundo e amar, ser esquecido e desprezado pelo século, por causa de Vós. Fazei com que eu repouse em Vós para além de tudo o que se pode desejar, e que meu coração busque a paz somente em Vós. Sois a verdadeira paz do coração, meu único repouso; fora de Vós, tudo pesa e inquieta. Nessa paz, isto é, só em Vós, eterno e soberano bem, dormirei e repousarei!

Assim seja!

Siga-nos e fique por dentro das novidades:
  

Oração para os momentos de agitação

Oração retirada do livro Orações de Todos os Tempos da Igreja – Prof. Felipe Aquino.

Para nós que vivemos nesses tempos de imensa agitação, no qual se trabalha muito e quase não sobra tempo para a oração, fica o convite para sempre que possível ou necessário, aquietar-se e conversar Deus. Importante saber que quando o coração está atribulado, jamais se deve tomar decisões importantes! Então, que tal parar agora mesmo rezar junto conosco? A oração abaixo é propícia para os momentos onde a agitação e barulho interior nos tira do sentido pleno de Deus. Reze…

Parar…
Como é bom parar!
Senhor, eu gostaria de parar agora mesmo.
Porque tanta agitação?
Para que todo esse frenesi?
Já não sei parar.
Esqueço-me de rezar. Fecho agora os meus olhos,
Quero falar Contigo Senhor.
Quero abrir-me para Teu Universo, mas os meus olhos não querem ficar fechados.
Sinto que uma agitação frenética invade todo o meu corpo, que vai e vem, escrevo da pressa.
Senhor, eu gostaria de parar agora mesmo.
Porque tanta pressa?
Porque tanta agitação?
Eu não posso salvar o mundo.
Sou apenas uma gota de água no oceano imenso de Tua maravilhosa criação.
Verdadeiramente importante é buscar Teu rosto abençoado.
Verdadeiramente importante é parar de vez em quando, é esforçar-se para proclamar que Tu és a grandeza e formosura, a magnificiência, que Tu és o Amor
O urgente é fazer e deixar que Tu fales dentro de mim.
Viver na profundidade das coisas e no esforço contínuo para buscar-Te no silêncio de Teu mistério.
Meu coração continua batendo, mas de um jeito diferente.
Não estou fazendo nada, não estou com pressa.
Simplesmente, estou diante de Ti, Senhor.
E como é bom estar diante de Ti,
Amém.

Siga-nos e fique por dentro das novidades: