Você sabe o que é eugenia? Não é uma pessoa!

levensborn-e1521730320652

Eugenia é diferente de Eugênia. Eugênia (com acento circunflexo no e) é uma pessoa. Eugenia é outra coisa. Aliás é isso que vou tentar explicar nesse texto para você de forma bem simples.

Eugenia é um termo criado em 1883 por Francis Galton (1822-1911), significando “bem nascido”. É uma teoria baseada na genética que diz que seria possível criar seres humanos melhorados a partir do controle genético dos mesmos. Esses aprimoramentos não seriam, porém, apenas biológicos, mas também sociais, psicológicos, econômicos e culturais. As ideias da teoria eugênica foram utilizadas largamente para propagar preconceitos e discriminações entre diferentes grupos sociais ao longo da história. Ainda hoje, tem muita gente que pensa de forma eugênica, porém às escondidas, pois sabe que tal teoria é condenada por todas as entidades que defendem a vida, incluindo a Igreja Católica Apostólica Romana.

Mesmo com a utilização de técnicas de melhoramento genético usadas atualmente em plantas e animais, existem muitos e sérios questionamentos éticos quanto a seu uso com seres humanos, chegando até o ponto de alguns cientistas declararem que é de fato impossível mudar a natureza humana.

A eugenia é o sinônimo de uma teoria racista e discriminatória usada por grupos sociais que pretendem exterminar aqueles que, em seus conceitos, são inferiores.

Foi usada com essa abordagem pelo nazismo hitlerista, provocando o enclausuramento e morte de judeus, negros, ciganos, homossexuais, doentes mentais e outros.

Tais ideias promovem a divisão da espécie humana em raças classificáveis e por isso mesmo ferem os direitos básicos de liberdade e igualdade de qualquer ser humano.

>> Leia também::  Procura por esperma americano aumenta no Brasil

Mas por que falar disso hoje e agora?

Simples. Estamos em meio a uma pandemia global onde um vírus poderoso ganha força diante de pessoas idosas ou com comorbidades. Não é difícil observar que o coronavírus é um vírus seletivo. Agora por que razão um vírus aparece do nada ese espalha no planeta inteiro matando sobretudo pessoas com esse perfil?

Não sabemos que criou esse vírus (se ele aconteceu “naturalmente” ou veio de algum laboratório). Mas sabemos que nesse quadro, essa pandemia vai literalmente eliminar pessoas idosas ou doentes, deixando no mundo mais pessoas “sadias e perfeitas”.

Seria o surgimento do coronavírus um ato natural ou fabricado? Se fabricado, qual a intenção? Será que essa pandemia atende o desejo de grupos que desejam uma diminuição da quantidade de pessoas no planeta? Seria o vírus a forma de criar uma “seleção natural”, onde idosos e doentes sejam sumariamente eliminados?

Confesso que desde o início dessa pandemia a ideia de uma “forçada evolução da espécie” não me sai da cabeça. E isso meus amigos vai veementemente de encontro ao que a Igreja diz: todos tem direito a vida e devemos defender a vida a qualquer custo.

>> Leia também:: O risco da eugenia no atendimento à saúde

Não tenho o direito e nem quero acusar ninguém. Quero apenas alertar você que é leitor deste blog que a eugenia é um conceito que não morreu e que essa pandemia pode, em algum momento ou de alguma forma favorecer a pessoas ou grupos que são favoráveis a “eliminação dos doentes, fracos e idosos”, a fim de criar uma humanidade sadia e perfeita.

A Igreja é a favor da vida, defende a vida e defende quem deseja salvar e ajudar as pessoas mais frágeis a defender a vida. Por isso nosso papel é aqui é ensinar e mostrar o perigo que corremos nessa grande pandemia: favorecer todo e qualquer tipo de pensamento eugênico.

Por isso a partir de hoje, falarei muito sobre eugenia aqui no blog. Já estou ativando minhas leituras e pesquisas, e na medida em que for consumindo esse conteúdo, irei “esmiuçando” para vocês. Meu papel neste blog é ensinar o que a igreja ensina. Por isso a partir de hoje, irei focar nesse tema.

Espero que gostem dos textos e que lhes sejam úteis para pensar. E prezo a todos que tenham zelo e prudência nesse período.

Pax Domini

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s