Igreja Católica inimiga da ciência?

Igreja Católica inimiga da ciência? Bom, isso cansamos de ouvir os professores das universidades dizerem. Mas será que isso é verdade? Thomas E. Woods, que apresenta a série Série da EWTN autor do livro Como a Igreja Católica Construiu a Civilização Ocidental afirma que não. Só que ao contrário dos “sabichões” das universidades, ele apresenta provas concretas do que fala. Este é o segundo programa da série. Cada vídeo tem cerca de 10 minutos. Vale a pena assistir!

Dominus Vobiscum

Anúncios

Jesus é o Senhor do sábado

Do Evangelho Quoditiano

Ora num dia de sábado, indo Jesus através das searas, os discípulos puseram-se a colher espigas pelo caminho. Os fariseus diziam-lhe: Repara! Porque fazem eles ao sábado o que não é permitido? Ele disse: Nunca lestes o que fez David, quando teve necessidade e sentiu fome, ele e os que estavam com ele? Como entrou na casa de Deus, ao tempo do Sumo Sacerdote Abiatar, e comeu os pães da oferenda, que apenas aos sacerdotes era permitido comer, e também os deu aos que estavam com ele? E disse-lhes: O sábado foi feito para o homem e não o homem para o sábado. O Filho do Homem até do sábado é Senhor. (Mc 2,23-28)

Comentário feito por Afraate (?- c. 345), monge e bispo perto de Mossul, Santo da Igrejas Ortodoxas

Por intermédio de Moisés, Seu servo, o Senhor pediu aos filhos de Israel que observassem o sábado. Disse-lhes: Trabalharás durante seis dias e farás todo o teu trabalho. Mas o sétimo dia é o sábado consagrado ao Senhor, teu Deus (Ex 20, 9-10). […] E avisou-os : Não farás trabalho algum, tu, o teu filho e a tua filha, o teu servo e a tua serva, os teus animais. E até acrescentou: O mercenário e o estrangeiro repousarão igualmente, assim como todos os animais que penam ao teu serviço (cf. Ex 23, 12). […] O sábado não foi imposto como uma prova, uma escolha entre a vida e a morte, entre a justiça e o pecado, como os outros preceitos pelos quais o homem pode viver ou morrer. Não: o sábado, nessa altura, foi dado ao povo tendo em vista o descanso – não apenas dos homens, como também dos animais. […] Agora escuta qual é o sábado que agrada a Deus. Isaías disse: Deixem descansar os fatigados (28, 12). E também: Os […] que guardaram os Meus sábados [sem os profanar] são os que escolheram o que Me é agradável e se afeiçoaram à Minha aliança (56, 4). […] O sábado não traz qualquer benefício aos maus, aos assassinos, aos ladrões. Mas àqueles que optam por aquilo que agrada a Deus e guardam as suas mãos do mal, nesses, habita Deus; Ele faz deles Sua morada, segundo a Sua palavra: Habitarei e andarei no meio deles (Lv 26, 11-12; 2Cor 6, 16). […] Portanto, guardemos fielmente o sábado do Senhor, quer dizer, aquilo que agrada ao Seu coração. Assim entraremos no sábado do grande repouso, no sábado do céu e da terra em que toda a criatura repousará.

Pax Domini

A Igreja responde:O que é e como se realiza a Tradição Apostólica?

A Tradição Apostólica é a transmissão da mensagem de Cristo, realizada desde as origens do cristianismo, mediante a pregação, o testemunho, as instituições, o culto, os escritos inspirados. Os Apóstolos transmitiram a seus sucessores, os bispos, e, por meio deles, a todas as gerações até o final dos tempos o que receberam de Cristo e aprenderam do Espírito Santo. Ela se realiza de duas maneiras: com a transmissão viva da Palavra de Deus (também chamada simplesmente de Tradição) e com a Sagrada Escritura, que é o mesmo anúncio da salvação feito por escrito. (Compêndio do Catecismo da Igreja Católica – §12 e §13)

É importante que nós católicos tenhamos isso impregnado em nós, na formação católica. Porque as outras religiões cristãs, ignoram a Tradição. Mais a frente nos textos vindouros iremos explicar sobre isso. A nossa fé é como um banco de três pernas: Se baseia nas Sagradas Escrituras, na Tradição e na Sucessão Apostólica.

Pax Domini